Ir para o conteúdo.Ir para a navegação

Navigation
  • 2010
  • Câmara aprova projeto de inclusão digital para jovens

Câmara aprova projeto de inclusão digital para jovens

Programa é destinado a jovens de 15 a 29 anos e prevê concessão de bolsas de estudos.
Câmara aprova projeto de inclusão digital para jovens

Vereadores em votação em plenário

A Câmara Municipal de Campinas aprovou nesta quarta-feira (10/02), em primeira discussão, projeto de lei do Executivo, que institui no Município programa sócio-educativo denominado Jovem.com que pretende promover a inclusão social por meio da inclusão digital a jovens de 15 a 29 anos. O programa prevê a concessão de bolsas de estudo, que podem variar de R$ 60,00 a R$ 500,00. As bolsas terão duração de um ano, prorrogáveis por igual período. Para ingressar no programa, o jovem deve estar cursando ou ter concluído ensino médio; estar incluído na faixa de renda familiar de até três salários mínimos e não estar  empregado. "Eu acredito que isso vem inclusive diminuir o índice de desemprego entre os jovens, porque eles vão poder se aperfeiçoar, trabalhando durante o dia e fazendo o curso durante à noite", afirmou o líder de governo na Câmara, o vereador Francisco Sellin (PDT).

Para manter o programa, o Poder Executivo estará autorizado a firmar convênios com entidades beneficentes de assistência social de assistência social registradas no Conselho Municipal de Assistência Social e / ou no Conselho Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente. Além disso, poderá firmar acordos com entidades e associações educacionais, comunitárias e sindicais, empresariais e filantrópicas.


Texto: Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Campinas

Foto: A.C. Oliveira/CMC

Publicada em 10/02/2010 20h28