Ir para o conteúdo.Ir para a navegação

Navigation
  • 2010
  • Pedro Serafim Jr é eleito novo presidente da Câmara

Pedro Serafim Jr é eleito novo presidente da Câmara

Thiago Ferrari (PMDB) e Josias Lech (PT) serão o 1º e 2º vice-presidente, respectivamente
Pedro Serafim Jr é eleito novo presidente da Câmara

Novo presidente Pedro Serafim Jr (c)

Com 30 votos, o médico Pedro Serafim Junior (PDT) foi eleito na tarde desta quinta-feira (16/12) presidente da Câmara Municipal de Campinas para o biênio 2011-2012. Ele vai substituir Aurélio José Cláudio (PDT), que vinha de duas gestões consecutivas.

Pedro Serafim Júnior nasceu em Campinas, é médico há 25 anos, especializado em Ginecologia e Obstetrícia. Também é formado em Direito. Foi eleito vereador pela primeira vez em 1996, conseguindo se reeleger sucessivamente nas eleições de 2000, 2004 e 2008. Nessa legislatura completa o seu quarto mandato consecutivo.

sera3Além de Pedro Serafim na presidência, o plenário definiu a composição do restante da Mesa Diretora. Thiago Ferrari (PMDB) será o 1º vice-presidente e Josias Lech (PT) o 2º vice-presidente. Professor Alberto (DEM) será o 1º secretário; Paulo Oya (PDT) o 2º secretário, Luis Henrique Cirilo (PPS) o 3º secretário e Rafa Zimbaldi (PP) o 4º secretário. Dr. Élcio Batista (PSB) foi eleito corregedor e Jorge Schneider (PTB) o corregedor-substituto. A nova Mesa assume no dia 1º de janeiro de 2011.

Depois de concluída a votação, Pedro Serafim confessou que estava apreensivo. “A gente fica angustiado com todo esse processo (de eleição), mas tem a noção exata da responsabilidade que me foi delegada pelos colegas e da responsabilidade que todos nós teremos a partir de agora com o povo de Campinas”, disse.

“A eleição foi expressiva. Tivemos 30 votos e isso foi mais do que esperávamos. Mas isso mostra que temos um apoio consolidado na Casa”, afirmou.

Pedro Serafim diz que ter uma meta. “Queremos resgatar a imagem do político; do Legislativo, que pelo Brasil anda tão desgastada”, disse ele. Para isso, disse que pretende imprimir “maior dinamismo” ao trabalho legislativo e ampliar a atuação da Câmara. “Campinas precisa de uma Câmara atuante. Dinâmica. Vamos estreitar os nossos laços com o Judiciário e em especial com o Ministério Público, para que possamos, juntos, participar de forma efetiva na construção de políticas públicas. Queremos estudar formas de ajudar no desenvolvimento da cidade”, acrescentou.

sera2No dia 13 de dezembro, o promotor de Justiça do Meio Ambiente, José Roberto Albejante esteve na Câmara e fez um alerta. Disse que o Legislativo deve exercer um papel de relevância no processo de desenvolvimento da cidade. O promotor lembrou que Campinas está entre as cidades brasileiras com maior potencial de crescimento e, por conta disso, é preciso planejamento. Para ele, tanto a Justiça quanto o Legislativo devem participar de forma efetiva na preparação da cidade para os próximos anos.

Na Câmara, Pedro Serafim Junior já foi primeiro vice-presidente, duas vezes secretário da Mesa Diretora e três vezes presidente da Comissão de Constituição, Legalidade e Redação. Conta com mais de 100 leis aprovadas, destacam-se a que obriga a distribuição de remédios nos postos de saúde, para receitas de médicos particulares ou de planos de saúde; a lei que criou os cinturões de segurança, melhorando a segurança em diversos bairros e, a lei que criou o Programa Municipal de Envelhecimento Ativo.

O presidente Aurélio Cláudio (PDT) (à esq.. na foto abaixo) desejou boa sorte ao sucessor. Disse que Pedro Serafim inicia um trabalho com apoio expressivo dos vereadores. “A votação mostrou que ele tem o apoio da grande maioria e terá todas as condições de implementar eventuais mudanças que pretenda fazer”, disse.

sera1Aurélio disse que sai da presidência com a sensação de dever cumprido. Lembrou que sob suas gestões mudou o regimento  interno da Casa para que pudesse ser ampliada a participação dos vereadores na reuniões ordinárias . Além disso, implementou mecanismos que deram maior transparência aos serviços da Casa. "Nós colocamos na internet os gastos da Câmara para que o cidadão pudesse acompanhar e fiscalizar o trabalho do Legislativo", disse.

“Gostaria de ter feito mais, mas tenho a consciência tranquila, por ter feito o melhor do que estava a meu alcance”, concluiu. Aurélio tem mais dois anos a cumprir de seu mandato de vereador.

Texto e Fotos : Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Campinas

Publicada em 16/12/2010 18h16