Ir para o conteúdo.Ir para a navegação

Navigation
  • 2010
  • Projeto proíbe que Campinas receba lixo de outras cidades

Projeto proíbe que Campinas receba lixo de outras cidades

Projeto proíbe que Campinas receba lixo de outras cidades

Ver. Artur Orsi

Tramita na Câmara um projeto de lei que proíbe que Campinas receba lixos tanto hospitalar quanto industrial e doméstico, além de entulhos de outras cidades. A matéria é de autoria do vereador Artur Orsi (PSDB) que afirma ter indícios de que a cidade está servindo de depósito principalmente para materiais da construção civil que vem de outras cidades.

“A nossa intenção é evitar que Campinas seja um depósito de destinação final de lixo que são gerado em outros locais, outras cidades. Isso é prejudicial para a gente. Como não temos um aterro sanitário num modelo internacional, que tem uma destinação correta do lixo, é essencial que a gente preserve os aterros que tem na cidade para a destinação do lixo que produzimos aqui”, disse o vereador.

Pelo projeto a Secretaria de Meio Ambiente será responsável pela fiscalização e monitoramento dos depósitos de lixo. Relatórios semestrais certificando a qualidade dos aterros e demais locais usados para receber lixo de Campinas deverão ser emitidos.

“Temos depósitos para recolher lixos da construção civil que vem por meio de caminhões caçambas. Não sabemos se eles vêm de outra cidade e isso precisa ser analisado. Temos relatos de caçambeiros que afirmam que há outros tipos de resíduos que são misturados ao da construção civil e que acabam impregnando nos mananciais, rios e córregos. Esse projeto então é mais uma medida preventiva”, adiantou o vereador.

Pelo projeto de aterros sanitários, Campinas conta com o Complexo Delta, que em sua concepção seria formada por usinas de reciclagem e compostagem, incinerador e a aterragem. No entanto, ele conta apenas com a aterragem e por isso, a vida útil do Delta A, que era para ser de 30 anos, não passou da metade do previsto. Hoje a cidade estava conta com o aterro Delta B.


Texto: Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Campinas
Fotos: A.C.Oliveira/CMC

Publicada em 10/06/2010 17h03