Ir para o conteúdo.Ir para a navegação

Navigation
  • 2010
  • Salões de beleza terão de esterilizar equipamentos

Salões de beleza terão de esterilizar equipamentos

Salões de beleza terão de esterilizar equipamentos

O vereador Thiago Ferrari

Na primeira reunião, realizada nesta segunda-feira (01/02), após o recesso parlamentar, a Câmara aprovou em segunda discussão, projeto do vereador Thiago Ferrari (PMDB), que determina que os estabelecimentos de corte de cabelo e barba, manicure, pedicure, procedimentos invasivos, cosmetológicos e congêneres, ficam obrigados a esterilizar os equipamentos e instrumentos utilizados nos tratamentos.

De acordo com o projeto, a desinfecção e esterilização dos equipamentos e instrumentos ocorrerá a cada troca de cliente e será realizada em local acessível, na presença do cliente. Além disso, os estabelecimentos ficam obrigados a afixar cartaz, em local visível e de fácil leitura, com os seguintes dizeres: 'Exija que a esterilização dos equipamentos seja realizada na sua presença. Evite doenças infecto-contagiosas'.

A lei ainda prevê advertência na primeira infração; multa de 100 UFICs na segunda, suspensão das atividades por 30 dias na terceira e cassação do alvará de funcionamento na quarta.

A proposta agora segue para a sanção do prefeito Hélio de Oliveira Santos (PDT).


Texto: Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Campinas

Foto: A.C. Oliveira/ CMC

Publicada em 1/02/2010 21h39