Ir para o conteúdo.Ir para a navegação

Navigation
  • 2010
  • Seminário na Câmara discute “Os Desafios da Adolescência na Escola”

Seminário na Câmara discute “Os Desafios da Adolescência na Escola”

Seminário na Câmara discute “Os Desafios da Adolescência na Escola”

Aurélio na abertura de seminário


O Compromisso Campinas pela Educação apresentou, na Câmara de vereadores, o seminário “Os Desafios da Adolescência na Escola”. O evento aconteceu na última quinta-feira (29/04), dentro da 1ª Semana da Educação, que contou também com a apresentação da Orquestra Brasileira Jovem de Percussão Árabe, integrada por 15 adolescentes da comunidade do Núcleo Habitacional Getúlio Vargas, do Parque São Quirino. A orquestra de jovens é mantida por meio de uma parceria do Instituto Jerusalém do Brasil, Ministério da Cultura e Prefeitura Municipal de Campinas.

O seminário aberto pelo presidente da Câmara, o vereador Aurélio Cláudio (PDT) falou da importância do tema e da participação do Legislativo campineiro que, desde 2007, é parceiro do projeto. “Sem dúvida são com iniciativas como esta, principalmente mobilizando a sociedade civil, que poderemos atingir as cinco metas pretendidas pelo Compromisso Campinas pela Educação”, elogiou.

Participaram do debate o juiz da Vara de Infância e da Juventude de Campinas, Dr. Richard Pae Kim; a coordenadora da Comissão de Medidas Sócioeducativas do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente – CMDCA Campinas, Silmara Ramos Quintana; Roberto Carlos Ramos, pedagogo e personagem do longa-metragem 'O Contador de histórias'; o psicólogo e autor e co-autor de diversos livros sobre psicoterapia de crianças, adolescentes e famílias, Ivan Capelatto e a responsável pela Coordenadoria Setorial de Proteção Social Básica da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência e Inclusão Social de Campinas ,Ivanir Aparecida Simionatto.

O juiz Pae Kim falou da importância da Justiça Restaurativa implementada em escolas de Campinas desde 2007. O projeto envolve órgãos governamentais, escolas e entidades. Como modelo de resolução de conflitos, é pautado pela valorização do diálogo e a criação de uma oportunidade para que todos os envolvidos possam, conduzidos por um facilitador, chegar a um acordo. “Será que aplicar a lei ao pé da letra resolverá os conflitos que existem? Pela experiência que temos tido a resposta é não. Então é preciso reavalizar a norma e implantar projetos que buscam estabelecer novas culturas e novos parâmetros”, enfatizou.

O pedagogo Roberto Carlos Ramos contou sua experiência na FEBEM (atual Fundação Casa) e como, criou um sistema de ensino para seus filhos, a partir da vivência negativa deles na escola. “Nós precisamos ter uma visão um pouco maior do futuro e ter mais humildade para saber que a escola não é um espaço privilegiado e que precisa da colaboração de todos.Vamos trabalhar valores com os nossos filhos e os nossos alunos, o resto vem de tabela”, disse.

O psicólogo Ivan Capellato falou da responsabilidade dos pais em educar e as consequências na escola quando essa educação não funciona. “Eu acredito que a presença dos pais na escola e pensar que o adolescente precisa de um cuidados podem significar um advogado que não se terá de pagar ou mesmo um hospital ou um médico”, defendeu.

O vereador Professor Alberto (DEM) participou do evento e se mostrou entusiasmado com a discussão. “Espero que outros eventos dessa natureza venham ocorrer em nossa cidade pois eles edificam e fomentam novas perspectivas para a educação”, falou.

O vereador Petterson Prado (PPS), que também assistiu o seminário, fez um balanço positivo do encontro. “O tema é muito importante e atual dentro das escolas e foi colocado de uma forma muito profunda saindo do tecnicismo a que estamos acostumados, tanto pelo Roberto quanto pelo Ivan, quando se fala em compreender e lidar com o ser humano nesta busca, por parte dos pais e professores, pela educação”, disse.

A 1ª Semana da Educação aconteceu entre os dias 26 e 30 de abril. Mais informações: http://www.compromissocampinas.org.br/semanadaeducacao

Texto: Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Campinas

Foto: A. C Oliveira/ CMC

Publicada em 30/04/2010 19h08