Ir para o conteúdo.Ir para a navegação

Navigation
  • Junho
  • CPFL Energia e empresas de telecomunicação assumem compromisso de organizar o cabeamento de fios e postes em Campinas

CPFL Energia e empresas de telecomunicação assumem compromisso de organizar o cabeamento de fios e postes em Campinas

07/06/2017

Durante reunião, promovida pelo vereador Luiz Carlos Rossini (PV) na Câmara de Campinas, para debater o projeto de lei que visa a ordenar o cabeamento de fios, a CPFL Energia, permissionária do sisteme a de energia elétrica, e a Associação Brasileira das Prestadoras de Serviços de Telecomunicações Competitivas (TelComp), entidade que reúne as empresas de telecomunicação e internet, assumiram compromisso de organizar o emaranhado dos fios que tomam contam dos postes da cidade.

A proposta, de autoria de Rossini e do vereador Zé Carlos (PSB), disciplina a questão dos vários fios, que muitas vezes ficam pendurados, colocando em risco os pedestres, além de prejudicar esteticamente a cidade.

Entre as propostas para melhorar o ordenamento dos cabos estão a realização de um inventário dos postes do município, o controle por software da rede, e até uma fiscalização mais rigorosa por parte da CPFL Energia em conjunto com a Prefeitura de Campinas.

A permissionária de energia alega que a maioria dos fios são colocados pelas empresas de telefonia, internet e fibra ótica, algumas regulares e outras clandestinamente, o que acaba provocando o emaranhado de fios. Já as empresas alegam que a demanda excessiva do mercado faz com que cada vez sejam utilizados novos cabos.

“Independente de quem seja a responsabilidade, é importante que se apresente uma solução para o problema”, defendeu Rossini. “A sensação de insegurança é enorme”, completou Zé Carlos.

O vereador Marcos Bernardelli (PSDB), presente no debate, defendeu ainda que a CPFL Energia apresente a minuta do contrato que a permissionária assina com as empresas locatárias dos postes, para analisar os vínculos de responsabilidade de cada um. 

Texto: Gabinete do vereador Luiz Rossini (PV)

Foto: Assessoria de imprensa da Câmara Municipal de Campinas

Publicada em 7/06/2017 18h45